Material para Concurso de Sargentos

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Só um PM tira serviço, denunciam moradores

 

Moradores do município de Caroebe, Sul do Estado, a 358 quilômetros da Capital, denunciaram através de ligações e e-mail, a falta de policiamento ostensivo. Eles alegam que no momento só existe um policial militar para atender a população de todo o município.

Segundo os denunciantes, o PM recebe a ocorrência e apenas faz um relatório, uma vez que não pode atender sozinho a população. Quando necessário, ainda conforme os moradores, ele aciona reforço do destacamento de São João do Baliza, município vizinho.
“O problema é que o criminoso não espera. Imagina a gente ter que esperar até que outros militares cheguem. É um absurdo”, reclamou por telefone a servente Luziene Correa, 36 anos, moradora do município.

Outro sério problema que estaria ocorrendo em Caroebe diz respeito ao serviço 190. Moradores alegam que nem ligam mais porque ninguém atende. “Não tem viatura e agora só tem um policial, que não tem culpa. Ele não pode fazer nada sozinho”, comentou.

Ainda conforme a servente, a população local já sente a insegurança. “Quando não tem polícia, a gente logo percebe que os bandidos começam a atacar. Muitas casas já foram arrombadas. Até assaltos já foram registrados recentemente em Caroebe, coisa que aqui não existia. A gente só quer que a PM coloque mais soldados aqui. É muito pedir um pouco mais de segurança?”, questionou.

Outro sério problema denunciado pelos moradores. Traficantes estariam vendendo droga nas praças públicas da cidade, uma bem próxima a escola estadual Tereza Teodoro de Oliveira, no Centro. “Não respeitam mais ninguém. Também pudera. Não tem polícia”, resignou-se.

OUTRO LADO – A Folha tentou, ontem à tarde, por telefone, contato com o coronel Júnior, comandante do Policiamento do Interior (CPI), mas as duas ligações caíram em caixa postal. O celular do assessor de comunicação da PM também caiu em caixa postal. Ninguém atendeu as ligações feitas ainda ontem à tarde para os dois números fixos do Comando Geral da PM. (A.J.)

Fonte: FolhaBV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados neste blog deverão ser identificados, não sendo mais permitidos comentários anônimos. Para poder comentar você deve fazer parte deste blog clicando em "CADASTRE-SE NO BLOG - Fazer parte deste site".

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.