Material para Concurso de Sargentos

terça-feira, 17 de maio de 2011

Soldado Sampaio cobra reajuste salarial dos servidores estaduais

 

Soldado Sampaio: "O direito desses cidadãos esta sendo esquecido pelo Governo estadual"

“Estarei na linha de frente na cobrança pelos direitos dos servidores da segurança no Estado”. Esta foi a posição do deputado Soldado Sampaio (PC do B), da bancada de oposição ao Governo de Roraima, ao defender a aplicabilidade da Lei nº 769/10, de autoria doExecutivo, que fixa o mês de maio como data-base para o reajuste salarial dos servidores estaduais civis e militares. O pronunciamento foi feito durante sessão desta terça-feira (17) na Tribuna da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR).

Conforme o parlamentar, a reposição salarial é importante para a valorização do profissional e para o desenvolvimento do setor. A Lei nº 769/10 fixa o índice de revisão geral anual para as remunerações, subsídios, proventos e pensões dos servidores civis e militares, ativos e inativos e pensionistas do Poder Executivo, das autarquias e fundações públicas estaduais.

“O direito desses cidadãos esta sendo esquecido pelo Governo estadual, que tem dinheiro suficiente para dar até 10% de reajuste salarial. Mas queremos que pelo menos seja dado o previsto na Lei 769 prevê, mas até o momento nada nesse sentido chegou a Esta Casa. Vamos aguardar até o final deste mês de maio e se não houver um entendimento por parte do Governo, vamos estar na linha de frente em prol do trabalhador”, assegurou.

Ao final do pronunciamento, Sampaio convidou os deputados da base governista para participarem de uma reunião com classes sindicais e sociedade civil organizada para a articulação da aplicabilidade da Lei. “Todos os deputados estão convidados a participar desse debate. Esse reajuste deve acontecer para o bem da classe e para o desenvolvimento do Estado”, ressaltou o deputado.

Base do Governo

O vice-líder do Governo na ALE-RR, deputado Marcelo Natanael afirmou, após o pronunciamento do Soldado Sampaio, que não participará da reunião em função de viagem à Florianópolis para participar do encontro da União Nacional dos Legislativos Estaduais (Unale), mas informou que esta disposto a intermedirar as negociações junto ao Governo.

“É de interesse do Governo a ampla discussão sobre os interesses do povo. Estou à disposição do deputado para conversarmos sobre isso”, disse.

Fonte: Fato Real

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados neste blog deverão ser identificados, não sendo mais permitidos comentários anônimos. Para poder comentar você deve fazer parte deste blog clicando em "CADASTRE-SE NO BLOG - Fazer parte deste site".

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.