Material para Concurso de Sargentos

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Falta de gasolina em viaturas prejudica policiamento ostensivo

A falta ou contingenciamento de combustível para as viaturas da Policia Militar (PM) não é um caso novo. Há vários meses, diversas pessoas se queixam que não tiveram seus chamados atendidos devido à falta de combustível. Há pelo menos três dias viaturas estariam paradas nos batalhões, deixando de realizar policiamento ostensivo e atendendo apenas quando houver ocorrência.

A Associação dos Policiais e Bombeiros Militares (APBM) confirmou a denúncia ao acrescentar que ontem apenas cinco viaturas, sendo duas do 1º e três do 2º batalhão da PM.

A APBM informou também que o procedimento padrão era que todas as viaturas tivessem o tanque completado a cada manhã, mas que estaria havendo uma cota de combustível, de modo que muitas vezes uma guarnição tem que aguardar o surgimento de ocorrências com o combustível que resta da ronda do dia anterior. “Com isso a Polícia deixa de cumprir seu papel constitucional que é de realizar o policiamento preventivo e fornecer sensação de segurança à sociedade”, afirmou Quésia Mendonça, Coordenadora Geral da Associação.

No mês passado o problema foi noticiado após uma denúncia anônima, momento em que a folha tomou conhecimento de que viaturas estavam paradas há dois dias por falta de combustível. Segundo a informação, a ordem inicial passada pelos superiores era de que se em uma ocorrência a gasolina acabasse, os policiais deixassem o veículo no local e seguissem para o comando de origem.

Na época, o coordenador de operações do dia reconheceu o problema, mas disse que o teria sido apenas por algumas horas. A reportagem não localizou o comandante responsável para falar sobre o assunto. (Y.L)

Fonte: Folha Impressa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados neste blog deverão ser identificados, não sendo mais permitidos comentários anônimos. Para poder comentar você deve fazer parte deste blog clicando em "CADASTRE-SE NO BLOG - Fazer parte deste site".

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.